Gestão Educacional 29 | humus

ARTIGOS

Gestão Educacional

Entrevista com Sonia Simões Colombo – fundadora e diretora da HUMUS Consultoria

Neste mês a HUMUS está completando 25 anos! Ocasião de comemoração e de reflexão sobre o caminho percorrido desde a sua fundação até o momento atual. E para conhecermos um pouco sobre esta trajetória, o HUMUS News entrevistou a fundadora e diretora da empresa - Sonia Simões Colombo.

HN – Como surgiu a ideia de abrir uma consultoria na área da educação?

SC – Sempre fui apaixonada por educação. A minha mãe atuou durante muitos anos em escolas e sempre a acompanhava em algumas atividades educativas. Estas vivências na infância me influenciaram positivamente e me guiaram para uma atuação profissional na área acadêmica e de desenvolvimento humano.

Após alguns anos trabalhando como Gerente de RH e como professora universitária, senti a necessidade de realizar o sonho de abrir uma empresa que atuasse exclusivamente no segmento educacional. Daí surgiu a HUMUS.

HN - Nestes 25 anos, qual foi o momento mais marcante para a HUMUS e para você?

SC – Tivemos vários momentos importantes. Sintetizando, considero que poderia elencar entre os mais relevantes:

. A obtenção da certificação ISO 9001 para a primeira escola no Brasil, tendo a HUMUS como consultoria para tal. Isto muito nos honrou!

. A criação do GEduc – Congresso Brasileiro de Gestão Educacional – um evento anual já em sua 17ª edição e no qual temos conseguido trazer excelentes conferencistas para debater as principais preocupações do management educacional contemporâneo. Temos constatado que a programação do congresso, a cada ano, se supera e efetivamente agrega grande valor aos gestores educacionais presentes.

. O início das nossas Delegações Internacionais – conhecer outras realidades mundo afora, e sempre acompanhada por líderes educacionais incríveis, me faz renovar a energia para continuar buscando sempre o melhor para os nossos clientes.

. O lançamento da nossa plataforma com cursos em EAD que tem permitido disseminar muitos conhecimentos aos educadores que não conseguem participar de nossos cursos presenciais.

HN - Qual sua maior realização como diretora e fundadora da HUMUS?

SC – Com certeza, saber que a HUMUS tem contribuído para a melhoria do desempenho das escolas e universidades brasileiras. Seja com as nossas consultorias, com os programas de capacitações nacionais/internacionais, bem como com os nossos serviços de seleção de pessoal, que ajuda a identificar os melhores talentos para as instituições educacionais.

HN - Qual a contribuição da HUMUS para a educação brasileira?

SC - Considero que a HUMUS tem contribuído de forma relevante para a educação brasileira. Membros da nossa equipe de diretores e de consultores possuem inúmeros livros e artigos publicados que propiciam a aquisição de novos conhecimentos aos leitores a respeito da gestão educacional. Hoje já somamos a participação em 11 obras, seja como única autoria, organização ou participação em determinados capítulos.

Fomos pioneiros nas discussões sobre gestão educacional em uma época em que se falar do negócio educação era um tabu e quase que proibitivo. Ao lançarmos o GEduc, em 2003, trouxemos à pauta na discussão brasileira a relevância de se estudar, debater e aplicar os benefícios do management.

HN - Como consultora e conhecendo a realidade de escolas de todo Brasil, quais semelhanças e diferenças você vê entre as instituições brasileiras e dos outros países nos quais a HUMUS tem realizado missões internacionais?

SC – No Brasil temos muitas escolas incríveis e possuímos também inúmeros educadores com elevado nível de competência.

O que constato nas melhores instituições de ensino que temos visitado em nossas missões internacionais é que estas possuem gestores e equipes docentes muito qualificadas, que se preocupam com a educação continuada e a inovação como uma rotina básica a ser buscada e aplicada diariamente. Neste quesito, vejo que as escolas brasileiras precisam evoluir mais, dar uma ênfase maior à ampliação dos conhecimentos de suas equipes de educadores, bem como estarem mais abertas às mudanças que a sociedade requeira.

HN – E para finalizar, qual é a perspectiva da empresa para daqui a 5 anos?

SC – Ampliarmos as nossas delegações internacionais e também atuarmos em outras frentes para colaborarmos ainda mais com as escolas e universidades.

 

Sonia Simões Colombo é Diretora e fundadora da HUMUS. É, também, Consultora nas áreas de Planejamento Estratégico e Gestão de Pessoas. Escritora e organizadora de diversos livros na área de gestão educacional, destacando-se: “Nos Bastidores da Educação Brasileira – a gestão vista por dentro”, “Gestão Educacional: Uma Nova Visão”; “Marketing Educacional em Ação” e “Escolas de Sucesso”. Psicóloga, com especialização em Administração de Empresas, e Lead Assessor pela Quality Management International.